Quantitas FIA Montecristo BDR Nível I

É um fundo de ações com estratégia long-only. O fundo investe em selecionadas companhias, visando retorno superior ao Ibovespa num horizonte de médio a longo prazo, a partir de critérios de análise fundamentalista, respeitando a uma estratégia de investimento que priorize empresas que apresentem: (i) negócio superior, que combine características de crescimento, consistência e resiliência; (ii) gestão de qualidade, que adicione valor aos seus acionistas fundamentalmente através do adequado retorno do capital investido pela empresa, e (iii) preço atrativo das ações, reunindo potencial de valorização e limitado risco de perda do capital.

Investir neste fundo

Qual é a aplicação mínima inicial?

R$ 1.000,00

Benchmark

Ibovespa

Qual é o grau de risco?

Muito alto

Público alvo

Investidores em geral

Quais sãs as taxas?

Taxa de administração
2,00%
Taxa de performance
20% do que exceder o Ibovespa

Quanto tempo para resgatar?

Cotização do resgate
D+13
Liquidação do resgate
D+15

Análise do gestor

Confira a análise do gestor e conheça mais sobre este fundo.

Todo mundo tem o seu jeito de encarar o amanhã. O nosso é com respeito e comprometimento. Para que tudo que você já fez pensando no seu futuro não seja em vão. Nós somos a Quantitas, uma gestora de investimentos comprometida com o seu futuro

O Quantitas FIA Montecristo BDR Nível I apresentou valorização de 15,2% em maio de 2023, resultado 11,5p.p. acima que a alta de 3,7% do Ibovespa no mês. No ano, o Montecristo acumula alta de 3,2%, ante queda de 1,3% do Ibovespa no mesmo período. Nos últimos 36 meses, o Montecristo acumula alta de 7,6%, 16,4p.p. abaixo da alta de 24,0% do Ibovespa. Em maio, os destaques positivos do portfólio foram Hapvida (+44,6%), SBF (+39,2%), Lojas Renner (+22,8%), Hidrovias (+20,3%), Mater Dei (+9,8%) e Omega (+6,6%) – todos acima do desempenho mensal do Ibovespa. Não tivemos queda nos ativos do Montecristo no mês, o que permitiu esse desempenho relativo ao Ibovespa bastante positivo no período – Maio de 2023 foi o mês de maior alfa (retorno do Montecristo menos retorno do Ibovespa) do Fundo desde o seu início.

Todos os comentários foram enviados diretamente pelos gestores e estão apresentados na íntegra, sem edições feitas pelo Inter. Mês de referência: Junho de 2024.

O mês de maio mostrou – mais uma vez – que deixar de estar posicionado em ações, tentando achar o “melhor momento” para comprar, é um risco considerável, pois as altas relevantes das cotações (verificadas após períodos de quedas fortes e ações muito depreciadas) normalmente ocorrem muito rapidamente. Fomos beneficiados com a recuperação de muitas das posições do Montecristo em maio, após meses recentes de quedas fortes. Fizemos poucos ajustes na carteira no mês. De forma prática, entendemos que nosso portfólio continua formado por bons negócios, a preços muito atrativos. Uma vez ocorrendo uma queda na taxa Selic e nas taxas longas de juros no Brasil, esse movimento de valorização das empresas se ampliará, potencialmente acelerado pela volta de fluxo positivo para o mercado acionário.

Todos os comentários foram enviados diretamente pelos gestores e estão apresentados na íntegra, sem edições feitas pelo Inter. Mês de referência: Junho de 2024.

Especificações técnicas

Aqui estão as informações básicas do fundo, passadas pelo administrador ou gestor.

Gestor

Quantitas Asset Management

CNPJ

11.451.917/0001-29

Classificação Inter

Quantitativo

Classificação CVM

Renda variável

Patrimônio líquido atual

R$ 117.942.384,49

Data de início

25/02/2011

Movimentação mínima

R$ 1.000,00

Saldo mínimo de permanência

R$ 1.000,00

Cotização da aplicação

D+1 (dias corridos)

Horário limite para movimentações

13:30:00

Administrador

Intrag DTVM

Tributação

Ações

Documentações do fundo

Antes de investir, verifique as características do fundo e sempre aplique de acordo com o seu perfil de investimentos.

Fundos de investimento não contam com garantia do administrador, do gestor, de qualquer mecanismo de seguro ou Fundo Garantidor de Crédito – FGC. Os fundos utilizam estratégias que podem resultar em significativas perdas patrimoniais para seus cotistas. Os fundos podem estar expostos à significativa concentração em ativos financeiros de poucos emissores, com os riscos daí decorrentes. Para avaliação da performance de um fundo de investimento, é recomendável a análise de, no mínimo 12 (doze) meses. Leia o formulário de informações complementares, lâmina de informações essenciais e o regulamento antes de investir. Rentabilidade obtida no passado não representa garantia de resultados futuros. A rentabilidade divulgada não é liquida de impostos. Os indicadores econômicos são meras referências econômicas, e não metas ou parâmetros de performance. Os produtos apresentados podem não ser adequados para todos os investidores. Antes de investir verifique as características do fundo e sempre invista de acordo com o seu perfil de investimentos. A instituição é remunerada pela distribuição do produto. Para maiores detalhes, consulte as informações sobre a remuneração do distribuidor.